Ciência- O nosso cérebro é quântico

 

cerebro quantico







Cientistas comprovam, cérebro faz computação quântica.

Incrível, algo que desconfiávamos há algum tempo, agora tem evidências científicas. Cientistas irlandeses acreditam ter demonstrado que o cérebro humano usa fenómenos quânticos para funcionar em nível de partículas e quasipartículas.

Christian Kerskens e David Pérez, do Trinity College de Dublin, encontraram inspiração nos estudos e equações sobre teoria de gravidade quântica. Ao estudar gravidade quântica embutiam sensores naturais em dois diamantes, conhecidos como "vacâncias de nitrogénio", que também são usados como qubits para computadores quânticos.

A vacância surge quando um átomo de carbono do diamante é substituído por um átomo de nitrogénio, o que exige um eletrão extra. É esse eletrão que funciona como um sensor quântico ao ficar numa superposição de spin para cima e spin para baixo. Então, em vez de um eletrão extra, utilizaram as mesmas ferramentas e métodos de estudo do cérebro humano.

"Para as nossas experiências, usamos spins de protões de 'água cerebral' como o sistema conhecido. A 'água cerebral' acumula-se naturalmente como fluido nos nossos cérebros e os spins dos protões [núcleos de hidrogénio] podem ser medidos usando imagem por ressonância magnética. Então, usando um projeto específico de ressonância magnética, para procurar spins entrelaçados, nós descobrimos sinais de ressonância magnética que se assemelham aos potenciais evocados dos batimentos cardíacos, uma forma de sinais de EEG [eletroencefalografia]," detalha o pesquisador.

Potenciais eletrofisiológicos, como os potenciais evocados dos batimentos cardíacos, normalmente não são detetáveis com ressonância magnética, fazendo os dois físicos acreditarem que só puderam observá-los porque os spins de protões nucleares no cérebro estavam entrelaçados.

"Se o entrelaçamento é a única explicação possível aqui, isso significaria que os processos cerebrais devem ter interagido com os spins nucleares, mediando o entrelaçamento entre os spins nucleares. Como resultado, podemos deduzir que essas funções cerebrais devem ser quânticas.

"Como essas funções cerebrais também foram correlacionadas ao desempenho da memória de curto prazo e à consciência, é provável que esses processos quânticos sejam uma parte importante das nossas funções cerebrais cognitivas e conscientes," defendeu Kerskens.

Além dos cientistas irlandeses também existe o projeto americano “QuBrain” (Quantum Brain Project) liderado pelo professor Matthew Fisher, da Universidade da Califórnia em Santa Barbara, nos EUA. O projeto teve investimentos de milhões.

 

Fontes:

www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=comprovado-nosso-cerebro-usa-computacao-quantica

Artigo: Experimental indications of non-classical brain functions

Autores: Christian Matthias Kerskens, David López Pérez

Revista: Journal of Physics Communications


Visite o nosso site Vivendo na Matrix

Share:

Sem comentários:

Enviar um comentário

Pesquisar neste blogue

.





reiki sekhm

Meus blogues

Contacto-parcerias

Nome

Email *

Mensagem *